COMUNIDADE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA



A comunidade Nossa Senhora de Fátima surgiu em decorrência da necessidade de uma convivência mais cristã dos moradores de Vila Curuçá, e pela distância das duas Igrejas do Senhor do Bonfim e Santa Terezinha, que dificultava a participação destes moradores.

f1Em 1958 alguns moradores das famílias; Ferrari, Furigo, Castanha, Araujo, Glória, Picoli e Pires; montaram uma pequena capela de madeira num terreno emprestado na Rua Araguaia, nº 611, no centro de Vila Curuçá.

Capela de madeira na rua Araguaia, nº 611

Ali realizavam-se os encontros onde se rezava o terço, até que depois de um ano e meio (fim de 1959); o proprietário pediu de volta o terreno e foi necessário arrumar outro local para a capelinha de madeira.
A solução foi transferir a capelinha para um local chamado “morrão vermelho” que havia sido doado pela esposa do Dr. Erasmo Teixeira de Assunção, e que futuramente seria a “Praça do Cruzeiro”, nome adotado devido a um Cruzeiro (cruz de madeira) deixado por jesuítas que estiveram em missão em Santo André no ano de 1941.

f2Capela de madeira agora no “morrão vermelho”
1960 a pequena comunidade é oficializada pela Diocese de Santo André e recebe seu primeiro pároco Padre Theodósio Sassaki, que ficou na comunidade alguns meses.
A nova paróquia foi dedicada a Nossa Senhora de Fátima, escolha feita pelos muitos moradores de descendência portuguesa que ali residiam.

Imagem de Nossa Senhora de Fátima em tamanho natural vinda de Portugal

Ao final de 1960 chegou o Padre Aderbal Leitão Vilar que junto a comunidade decidem construir uma Igreja de alvenária e uma casa paroquial.
Depois de alguns anos e muita luta a Igreja foi concluída, acolhia 200 pessoas, era uma construção modesta mas com um acabamento de muito bom gosto.

f3Igreja de Nossa Senhora de Fátima construída de 1960
O padre Aderbal acompanhou a comunidade por 25 anos até vir a falecer de um infarto do miocárdio em 5 de Setembro de 1985.
A comunidade continuou sua caminhada, lutando para suprir suas necessidades, foi contruído um centro comunitário, uma igreja para a comunidade São Miguel Arcanjo que faz parte da paróquia.

Igreja da comunidade São Miguel Arcanjo

Mas, com o crescimento da comunidade a igreja da praça do Cruzeiro acabou ficando pequena para acomodar o povo, e o grande sonho nestes 43 anos era contruir uma nova igreja para a séde da paróquia. No ano de 2003 formou-se uma comissão e junto ao pároco Padre José Nistal, ficou descidido iniciar a contrução da sonhada igreja que pudesse acolher mais de 600 pessoas sentadas.
No dia 12 de Outubro do mesmo ano, foi celebrada a ultima missa antes de se desativar o antigo templo.
Após 6 anos de muitos eventos e sacrificios a nova igreja está prestes de ser inaugurada, e com a ajuda do Divino Pai Eterno e as bençãos de Nossa Senhora de Fátima, em Maio de 2010 junto a comemoração do Jubileu de Ouro, iremos inaugurar e sagrar a Nova Igreja da paróquia Nossa Senhora de Fátima.

f4A nova igreja da paróquia Nossa Senhora de Fátima








COMPARTILHE ESTA PAGINA


Deixe um comentário